quinta-feira, agosto 07, 2008

Deixo-te aí sozinho, pobre menino, e é melhor que seja assim. Sonha, menino triste, só o teu sonho é que existe, diz Mario Quintana ao acordar.


Bola de cristal


A praça, o coreto, o quiosque,
as primeiras leituras, os primeiros
versos
e aquelas paixões sem fim...
Todo um mundo submerso,
com suas vozes, seus passos, seus silêncios
- ai que saudade de mim!
Deixo-te, pobre menino, aí sozinho...
Que bom que nunca me viste
como te estou vendo agora
- e é melhor que seja assim...
Deixo-te
com os teus sonhos de outrora, os teus livros queridos
e aquelas paixões sem fim!
e a praça...o coreto...o quiosque
onde compravas revistas...
Sonha, menino triste...
Sonha...
- só o teu sonho é que existe.


Mario Quintana
(1906-1994 )

Mais sobre Mario Quintana em
http://pt.wikipedia.org/wiki/M%C3%A1rio_Quintana

4 comentários:

Tarcisio5 disse...

Atenção! a data de nascimento e morte se referem ao Poeta Mario de Andrade e não de Mario Quintana, assim como o endereço na Wikipedia é de Mário de Andrade, favor corrigir!
Tarcisio

Anônimo disse...

Tarcisio,
Mais uma vez, muito obrigado pela gentileza da sua correção à nossa falha. Colaboradores como você são
indispensáveis para o Poemblog e são muito bem recebidos. Sempre.
O Editor

Martha disse...

O Site da Casa de Cultura Mario Quintana ou o site Releituras são muito mais confiáveis do que a Wikipédia

Nos primeiros sites eles têm fonte e a wikipédia é feita por usuários costuma ter muitos textos falsos...

Rosangela Aliberti disse...

Discordo em parte: Ultimamente os
s(a)ites do wikipedia no que se refere a: Mario Quintana, Drummond, Cora Coralina, Charles Chaplin, Cecília Meireles, Fernando Pessoa estão sendo bem monitorados principalmente (vide: biografias e citações), uma dica da comunidade Afinal, quem é o autor? (orkut) Abraços
Rosangela Aliberti