sábado, dezembro 27, 2008

Carlos Drummond de Andrade gastou uma hora pensando um verso que a pena não quer escrever. Mas a poesia daquele momento inunda sua vida inteira.


Poesia


Gastei uma hora pensando um verso
que a pena não quer escrever.
No entanto ele está cá dentro
inquieto, vivo.
Ele está cá dentro
e não quer sair.
Mas a poesia desse momento
inunda minha vida inteira.

Carlos Drummond de Andrade
(1902-1987)

Mais sobre Carlos Drummond de Andrade em
http://pt.wikipedia.org/wiki/Carlos_Drummond_de_Andrade